8 de setembro de 2011

Freaks - 1932

O filme mais polêmico da história do horror! “Freaks” é um cult clássico de 1932 que abalou a sociedade da época, foi rejeitado, trancafiado e somente após 30 anos, na década de 60, que é posto a mostra no mundo todo em exibições de cinemas sujos e festivais amadores. O motivo de tanta polêmica e rejeição esta na essência da trama, nas críticas e nos personagens atípicos, que são pessoas com diversas e monstruosas deficiencias fisicas, sendo que tais personagens são interpretado por um elenco de pessoas realmente deficientes físicas, as chamadas “aberrações”.


Comentários
15 Comentários

15 Comentários:

Ronaldo disse...

O melhor !!! ja havia dito isso a meses quando descobri esse site .
estava atraz desse filme , baixei tds as partes em outro site e qndo fui descompactar deu erro . e no mesmo dia vcs colocaram esse filme no site q sorte .

parabens pelo bom gosto .

rock rules

Evandro disse...

ÓTIMAS INDICAÇÕES PARA FILMES
maravilhoso blog!!!!

Anônimo disse...

O filme mais bizarro que eu ja assisti ,com certeza...é sem noção ao mesmo tempo que é lógico.
Muito foda ...valeu ae ...o blog é muito bom!

girlfixer disse...

Blog maravilhoso...

estou amando...

pena que pra descompactar esse arquivo deu erro.. =/

procurarei outro filme ..

Arapa-Rock-Motor disse...

girlfixer use o 7-zip !

Débora Mazzini disse...

Estava procurando este filme ha tempos *-*
O blog é muito bom.

alysson disse...

O filme é muito forte, mas consegue passar o fundamental : os bizarros não são exatamente as "aberrações".

berna mendonça disse...

os arquivos foram apagados! :S

DorianGray999 disse...

cheguei tarde de mais., links out!
é uma pena..!!!
espero o suban denovo.

Edu disse...

Avisa quando reupar!!

Ricardo disse...

po poderia reupar ai,grato desde ja.

Moderador: Arapa Rock Motor / Albeяt ॐ disse...

repostagem!

Luciana Minuzzi disse...

tudo certo com o link repostado. muito bom! valeu, Arapa! :D

Enylah disse...

"We accept you, one of us!"

Clássico!!!!

Viviane C. disse...

Podem repostar, por favor?

Postar um comentário